Prepare a equipe para a famosa frase: “Só dando olhadinha”

“Posso ajudá-lo?”

“Não, obrigado, estou só dando uma olhadinha!”

Difícil encontrar um lojista que nunca tenha escutado essa frase. E um cliente que nunca a tenha dito!

Muitos entram na loja dizendo isso por não quererem ser “incomodados” pelo vendedor. E é justamente essa ideia de que “o vendedor incomoda” que as lojas precisam tentar combater.

Um grande problema é que muitos consumidores já tiveram experiências ruins com vendedores, que acabaram “lhes convencendo” a comprar algo que eles não precisavam tanto, que não tinha muito a ver com eles, que não era exatamente o tamanho que se sentiam bem…

Um dos segredos (e já falamos muito sobre isso por aqui) é ouvir o cliente! Ouvir a sua necessidade, o que ele precisa, o que ele gosta, o que ele não gosta. Não tentar fazer uma venda que seja do seu gosto, mas do gosto do cliente.

Outra dica é não ser tão formal, é tentar se aproximar de uma forma um pouco (mas só um pouco) mais descontraída, mais simpática, para que ele se sinta à vontade para lhe dizer o que está procurando.

Se mesmo assim a resposta for: “Nada, estou só dando uma olhadinha”, não abandone o cliente dentro da loja. Fique por perto (mas não colado) caso ele tenha alguma dúvida ou queira experimentar algo. Faça alguns comentários, perguntas e sugestões, quando perceber o que ele pode estar procurando (se não tiver o produto exato, pode sugerir algo parecido que pode ajudá-lo ou, quem sabe, ser ainda melhor para ele). Agora, se você perceber que o cliente realmente não quer você por perto fazendo perguntas (alguns não gostam disso mesmo), saiba dar um passinho para trás para não perder uma possível venda e possível cliente.

 

Três diferenças entre vendedor amador e um vendedor profissional, segundo o site falandodevarejo.com:

Amador

Profissional

Atende com displicência e não se preocupa com a apresentação pessoal.

Atende com seriedade e interesse e sabe que a apresentação pessoal é importante.

Tem expressão de cansaço, desânimo ou frieza.

É simpático, sorri e mantém uma postura comportamental adequada. Demonstra disposição.

Não pergunta o nome do cliente.

Pergunta o nome e, em seguida, diz o seu próprio.

 

 

Publicado por

marketingcdl

A CDL Caxias é a maior entidade do movimento lojista do Rio Grande do Sul e a está entre as maiores do Brasil em número de associados. É afiliada à CNDL – Confederação Nacional de Dirigentes Lojistas que congrega 1600 CDL´s e 600 associações comerciais, reunindo 2.200 mil entidades no Brasil e 800 mil pontos de vendas e à FCDL – Federação das Câmaras de Dirigentes Lojistas do Rio Grande do Sul que reúne 152 CDL´s, 20 associações comerciais e 40 mil pontos de vendas no Estado. O trabalho sério desenvolvido pelos 30 presidentes que já atuaram na entidade ao longo destes 50 anos, diretores e profissionais que participaram da CDL Caxias é respaldado pelas muitas conquistas que a entidade obteve. Uma das mais importantes veio no ano final de 2005, quando a entidade, entre todas as CDLs do país, ganhou o 1º lugar na Categoria Serviços aos Associados na 46ª Convenção Nacional do Comércio Lojista, realizada em Maceió, Alagoas.

Deixe uma resposta