Como está a saúde financeira da sua empresa?

É relativamente fácil determinar se sua empresa está indo bem. Você está no azul todos os meses, consegue quitar sua folha de pagamento e paga todas as contas e despesas mensais. Mas há níveis ou diferenças perceptíveis que indicam, de modo confiável, uma boa solidez financeira? Ou há modos de determinar o grau de desempenho acima do padrão?

Há muitas maneiras de fazer isso, algumas das quais talvez sejam mais adequadas para a empresa do que outras. Com isso em mente, vamos analisar alguns sinais de que sua empresa tem uma boa saúde financeira.

Analise continuamente seu lucro líquido

A melhor medida da saúde financeira de sua empresa tomará como referência o lucro líquido, que é o montante alcançado após subtração das despesas — operacionais ou não —, abrangendo a carga tributária à qual sua organização está submetida. Se o resultado for positivo e bastante satisfatório para remunerar os sócios e reinvestir no negócio, é sinal de que a saúde financeira está em ótima situação.

Entretanto, sempre é possível repensar os gastos operacionais e as variações de tributos, por exemplo, com o intuito de buscar a redução de suas despesas. Vale fazer uma análise periódica desses fatores também.

Estabeleça um fundo de emergência

Alguns gestores não dão atenção para esta precaução, mas ela pode ser conveniente para tempos de vacas magras e apertos financeiros inesperados. O ideal é ter liquidez para, pelo menos, três meses de despesas. Logo, guarde recursos em um fundo de renda fixa ou de liquidez imediata, a fim de ter uma reserva em circunstâncias críticas de queda nas vendas ou outros problemas emergenciais, até que as coisas melhorem, sem afetar a sua operação.

Faça um bom planejamento financeiro

É importante que o gestor encontre maneiras de acabar rapidamente com as dívidas, mas sem ficar dependente dos créditos bancários. É essencial apurar o montante certo de recursos que é necessário para manter a saúde financeira de seu negócio, atualizando seus dados contábeis e econômicos, tendo bastante cuidado com as contas a receber, as obrigações e a formação de seu capital de giro.

E a inadimplência também é um fator que derruba a balança do controle financeiro. Quer acabar com esse problema? Nos contate, temos conhecimento em Crédito e Cobrança e podemos te oferecer ferramentas do SPC Brasil.

Anúncios

Saiba como simplificar a Declaração do Imposto de Renda

A entrega da Declaração do Imposto de Renda de Pessoa Física – DIRF 2017 teve início neste mês de março e segue até 28 de abril, sendo obrigatória para quem teve rendimentos tributáveis superiores a R$ 28.559,70 no ano de 2016.

A declaração deve ser feita por meio do Programa do IRPF 2017 que contempla aplicativos que visam facilitar a declaração do contribuinte, como o Programa Gerador da Declaração do Imposto sobre a Renda da Pessoa Física. Para ter acesso aos aplicativos, basta acessar o site da Receita Federal.

Para quem possui certificado digital o processo da declaração é mais rápido e menos burocrático. A Receita Federal disponibiliza a declaração pré-preenchida aos contribuintes que possuam a certificação digital. Não possui Certificação Digital? Saiba mais aqui

Fonte: ITI – Instituto Nacional de Tecnologia da Informação

Atraia o consumidor que vai sacar o FGTS e venda mais!

As lojas do comércio podem ter boa expectativa quanto ao saque de recursos das contas inativas do Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS) que iniciou no dia 10 de março, envolvendo 10,1 milhões de brasileiros que tem direito à retirada, provocando a abertura da Caixa Econômica Federal aos sábados, durante este mês. Sem dúvida isso pode ajudar o comércio em geral com uma injeção financeira que não era esperada.

Para aproveitar esta oportunidade, em que muitos consumidores estarão com dinheiro na mão, separamos algumas dicas para você impulsionar as suas vendas.

Crie uma estratégia com benefícios que vão gerar interesse nos seus clientes. Muitas vezes é possível aumentar o número de vendas sem precisar criar grandes promoções!

Pense em ações fora do comum

Muitos varejistas desenvolvem ações promocionais parecidas, e isso faz com que o consumidor se desinteresse pelas marcas. Um exemplo disso é oferecer o mesmo percentual de desconto que os seus concorrentes.

Pense fora da caixa e procure desenvolver ações que chamem a atenção do seu público por serem únicas e criativas! Além disso, evite repetir as ações já realizadas ao longo do ano. Inove!

Prepare o seu estoque

Não ter produtos em estoque quando se realiza uma promoção é um grande tiro no pé. A partir do momento que a sua marca deseja conquistar novos clientes, ela deve estar preparada para atender às expectativas de todos eles. Organize-se com antecedência!

Escolha bem os meios de comunicação

Sua estratégia de marketing deve estar totalmente alinhada às suas metas de vendas para este período. Dessa forma, é importante entender quais são os canais de divulgação mais efetivos para atingir o seu público-alvo.

Crie campanhas de acordo com o perfil de cada plataforma e divulgue o seu material com uma certa antecedência. Busque uma forma de atingir o seu público de maneira que ele escolha a sua marca em detrimento das outras.

Decore sua loja

Uma boa decoração é capaz de chamar a atenção dos consumidores para a sua marca. Procure decorar a sua loja. Vale ornamentar a vitrine, o interior da loja e até personalizar embalagens de presente, por exemplo. Combine os elementos visuais da sua loja para garantir uma boa experiência para o consumidor!

Analise os resultados

Não adianta planejar várias ações se você não analisar com cuidado o retorno que cada uma traz para a sua marca. Ao considerar resultados como os custos de divulgação, o volume de vendas e o ticket médio do seu cliente, você consegue ajustar suas estratégias para vender mais na próxima oportunidade.

Agora que você já sabe como fazer para aproveitar a retirada do FGTS e vender mais, deixe um comentário com as suas estratégias para impulsionar o seu negócio!

Construa uma comunicação direta com o seu cliente

Toda empresa precisa construir um “canal” direto de comunicação com os seus clientes e com mercado, isso é fundamental para a sobrevivência e, principalmente, crescimento da empresa. Mas para isso é necessário conhecer os meios e estratégias certas para cada público.

Por isso, resolvemos listar algumas dicas fundamentais para melhorar a comunicação entre você e o seu cliente:

Escute mais

Se você quer garantir uma comunicação que traga resultados, fale menos e escute mais. Seu cliente quer ser ouvido e esta é, com certeza, a melhor forma de entender o que ele quer e o que ele não quer. Consequentemente, você terá maiores chances de oferecer o imóvel que casa com o sonho de seu cliente e de fechar contrato muito mais rapidamente.

Busque feedback

Um dos erros mais comuns é buscar feedback apenas após o fechamento do contrato. No entanto, é importante saber o que o cliente está achando do andamento das atividades durante o percurso. Assim, você poderá corrigir erros antes que seu cliente firme uma opinião errada a seu respeito.

Fale a mesma língua

Minutos após o primeiro contato, ou até mesmo antes disso, você será capaz de traçar um perfil geral sobre seu cliente. E isso será essencial para você nivelar o seu discurso com o dele. Falar a mesma língua de seu cliente é fundamental, e isso vale tanto para a complexidade do vocabulário quanto para os temas levantados.
Um advogado estará mais interessado em saber os detalhes legais do contrato do que sobre a arquitetura do imóvel, enquanto um executivo pode estar preocupado com uma possível desvalorização futura do imóvel, por exemplo.

Coloque-se no lugar de seu cliente e pense que tipo de informações ele gostará de saber e aprenda os jargões mais comuns para não cair em erros de interpretação – mas, se não entender algo, pergunte sem medo.

Seguindo essas dicas simples, você irá tornar sua comunicação mais eficiente e seus negócios ainda mais lucrativos.

 

Aumente sua produtividade com a Gestão de Tempo!

Produtividade é a bola da vez, você já reparou o quanto a hora passa e nós estamos sempre sem tempo, atrasados, desesperado pelo fato do dia não render tanto quanto esperamos? A promessa de uma nova semana diferente da anterior é sempre a mesma, mas e se dissermos que é possível fazer seu tempo render mais e melhor se você aprender como gerenciá-lo?

O tema de hoje é a gestão de tempo e para isso separamos algumas dicas infalíveis para você começar bem seu dia ou semana, mas lembre-se, que tudo depende de você!

GESTÃO DE TEMPO

Mas enfim, o que é a gestão do tempo? Gerenciar seu tempo é o ato de executar um controle consciente e planejado do quanto tempo é gasto em determinadas atividades buscando ampliar a eficiência, efetividade e também a produtividade. Utilizando a gestão de tempo é possível maximizar o conjunto de atividades demandadas em um determinado período de tempo.

Esta pode ser aplicada a tarefas rotineiras, durante o desenvolvimento de projetos e qualquer ação que exija uma data limite. Engana-se que este tipo de ferramentas serve apenas e somente para atividade do trabalho, sendo possível aplicar a mesma nas suas rotinas pessoais como em tarefas domésticas por exemplo.

Na gestão de tempo existem métodos, processos e ferramentas para auxiliá-lo a determinar o tempo de realização de cada etapa. Aqui veremos algumas técnicas para que você possa aplicar ao seu dia a dia.

·         Liderança estratégica:

Delegar tarefas é a forma ideal de tirar o peso de suas costas e fazer seu dia mais produtivo. Você tem uma equipe espetacular que pode se tornar seu braço direito em muitas atividades. Mas para isso é necessário gerenciar e não simplesmente passar a atividade e dizer: “Toma que o filho é seu!”.

A liderança estratégica tem foco no futuro, considerando longo prazo. A partir de um calendário, o gestor determina resultados de curto ou longo prazo, inserindo sua visão do que pode ser feito para que as atividades ocorram com eficácia. Sendo esta uma forma de administrar sua rotina e estar seguro que as pessoas designadas para determinadas tarefas têm tudo esclarecido para que os objetivos propostos sejam alcançados. Tire o máximo do operacional e inicie por aqui a sua gestão de tempo.

·         Mensure o tempo perdido:

Quanto tempo você gasta em determinadas atividades? O que seria possível melhorar? Calcule o tempo pobre, este é o tempo em que você utiliza para atividades que consomem muito de sua energia, como reuniões externas por exemplo. É importante lembrar que gerir o tempo não é algo que do dia para a noite você estará fazendo com sucesso, já que esta é uma metodologia nova que estará adotando a sua rotina. Mas não se preocupe em torno da quarta ou quinta semana você já estará adaptado.

·         Listas de tarefas estratégicas: 

Não pense apenas no dia de hoje, busque programar tudo o que será feito durante a semana ou no período de 3 dias. Pense que definindo essas estratégias, além de fazer a gestão do tempo, planejando sua semana, será possível determinar o que será feito ao longo do dia, e ter o controle das urgências e saber lidar com elas, permitindo que você não se torne escravo de seu próprio negócio. Como informamos anteriormente é possível traçar um mapeamento onde você pode identificar as tarefas que competem mais urgência ou nenhuma.

Dentro de sua lista estratégica busque definir: Quais atividades demandam mais tempo para ser realizadas e consequentemente concluídas? Quais as suas dificuldades perante o processo de produção? Quais os hábitos que prejudicam minha produtividade? E por fim se questionar – O que tem feito para otimizar seu desempenho?

INGRESSOS PARA O HOMENS NA COZINHA 2017 JÁ ESTÃO À VENDA

A CDL Caxias realiza no dia 08 de abril (sábado), às 20 horas, no Pavilhão 2 do Parque da Festa da Uva, a 16ª edição do jantar beneficente Homens na Cozinha. O evento é considerado o maior e mais tradicional evento de solidariedade e gastronomia da região e reúne a comunidade em torno de uma causa comum: reduzir as diferenças sociais e ajudar a quem precisa. Os ingressos para o festival de gastronomia e solidariedade custam R$175,00 e estão à venda no Palácio do Comércio ou com as próprias cozinhas.

Continuar lendo INGRESSOS PARA O HOMENS NA COZINHA 2017 JÁ ESTÃO À VENDA